Como escolher acabamentos

Aprenda como escolher acabamentos para sua casa

Quem precisa planejar ou lidar com obras, tanto em reformas quanto em construções, sabe que muitos são os aspectos que precisam da nossa atenção. Não basta definir o local e o que deve ser feito. Muito pelo contrário! Este é apenas um dos passos iniciais.

A escolha adequada dos acabamentos pode impactar bastante no resultado da sua reforma, tanto em questão de qualidade quanto beleza e financeiro. Se for de baixa qualidade, por exemplo, além de ficar insatisfeito com o resultado ainda pode se deteriorar em menos tempo.

Quer evitar passar por perrengues e aprender como escolher acabamentos para sua casa? Então, continue a leitura e tire suas dúvidas sobre o assunto.

Quais cuidados tomar ao escolher acabamentos para sua casa?

Conheça os principais acabamentos

Para ir em busca do que há de melhor para sua casa é importante saber os principais acabamentos. Isso facilitará na identificação de qual é o ideal para cada ambiente, para tirar dúvidas com o que o arquiteto está solicitando e até mesmo para fazer pesquisas.

Tipos de acabamento para cada ambiente

Dentre eles, podemos citar: 

  • Pastilhas;
  • Laminados;
  • Azulejo;
  • Madeira;
  • Cimento queimado;
  • Cerâmica;
  • Porcelanato;
  • Vinílico;
  • Pedras.

Tem os que são específicos para pisos outros para paredes. E cada um apresenta características próprias para cada ambiente em que serão colocados, como áreas externas ou internas, se podem molhar, etc.

Saiba com certeza o quanto precisará de cada material

Ter a certeza da metragem de cada acabamento é importante para evitar desperdícios, tanto de material quanto de dinheiro. 

Com o auxílio de um bom profissional, seja o arquiteto ou o responsável pela mão de obra, você receberá a orientação certa de quanto precisa comprar de cada acabamento. Como medida de segurança, recomenda-se comprar cerca de 10% a mais do que foi solicitado, caso aconteça algum imprevisto.

Assim, você não corre o risco de precisar substituir uma peça e não encontrar mais do mesmo lote, o que pode acarretar em diferença de cor.

Invista no melhor acabamento para cada cômodo

Enquanto que no quarto o ideal é que o ambiente seja mais acolhedor, com um piso que não seja gelado, nos banheiros e cozinhas é imprescindível que ele não seja escorregadio. 

Pisos para a cozinha

Portanto, além de aspectos estéticos é preciso pensar na segurança dos moradores da casa. Leve em consideração qual é o padrão de decoração que será escolhido e quais necessidades aquele ambiente apresenta.

Leve em consideração as opções da moda

Seguir as tendências do momento é uma excelente alternativa, principalmente para quem deseja estar antenado com o que está em alta.

No entanto, essa é uma “faca de dois gumes”, já que, com o tempo, tudo se renova e provavelmente o que é moda agora, pode não ser mais amanhã. A minha dica é que você busque mesclar suas escolhas, visando o que está em alta com outras que sejam clássicas, mas também combinem com o tema da decoração.

Tenha muito cuidado com o custo-benefício

Quando se fala em obras e reformas, a qualidade dos acabamentos é essencial. A tentação de investir no que é mais barato e de qualidade não tão duvidosa é grande? Não faça isso! O material pode ficar encardido, se deteriorar em pouco tempo ou demandar manutenções frequentes.

É uma economia que pode parecer interessante em um primeiro momento, mas que acabará te cobrando no futuro.

Agora que você já sabe quais são as boas práticas sobre como escolher acabamentos, aproveite e compartilhe este post nas suas redes sociais! Assim, seus amigos não vão cometer os erros que citei aqui!

Beijos e abraços,

Camy Scotti

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.